Blog

homens-roncam-mais-que-mulheres.jpg
22/out/2021

Estima-se que um em cada três homens tenha problemas com ronco, enquanto que nas mulheres a proporção é de uma em cada cinco. Mas sim, existe uma explicação para isso é o médico otorrinolaringologista da clínica Otomax, Dr. Franzé Barros, explica o motivo.

De acordo com o médico da clínica Otomax, o fato de homens roncam mais do que mulheres tem a ver com algumas diferenças anatômicas e biológicas entre os dois corpos. “A garganta do homem é maior, por isso quando a língua bloqueia a garganta, ela não interdita toda a passagem de ar. E é exatamente essa não interdição completa que acaba provocando o ronco. Já nas mulheres, que – também convencionalmente – têm gargantas menores, a língua acaba interrompendo totalmente a passagem de ar, o que as faz acordar e não roncar”, explica Dr. Franzé.

Mas, segundo o médico, a questão anatômica é apenas uma das explicações, outras teorias dão conta que a idade, problemas musculares na região da garganta e a dimensão ou mecânica da faringe do homem também podem influenciar na causa do ronco.

Mas o que é o ronco afinal?

O ronco é produzido quando o palato – o famoso “céu da boca” –, a úvula, que é a parte de tecido na região superior da garganta ou a base da língua relaxam demais e bloqueiam as vias respiratórias. Naturalmente, a pessoa vai precisar fazer mais esforço para respirar, o que acaba provocando vibrações nos tecidos moles próximos às vias aéreas.

Alerta de perigo

Vale sempre lembrar que quando a barulheira é extrema e crônica, o ideal é procurar ajuda médica do otorrinolaringologista e realizar testes para verificar a sua qualidade de sono.

 

SERVIÇO

CLÍNICA OTOMAX

ONDE: Rua Desembargador Lauro Nogueira, 1500, salas 1813 a 1816. RioMar Trade Center (integrado ao Shopping  RioMar Papicu). Segunda a sexta, de 9h às 20h. Sábados, de 9h às 13h.

CONTATO:+55 85 3121-6778 / 2180-9880


apneia-do-sono-1.jpg
28/fev/2019

O sono é de extrema importância para a saúde física e mental de um indivíduo. Ao longo de nossas vidas chegamos a passar cerca de 23 anos dormindo. É o que estima o IBGE com relação ao repouso do brasileiro. O problema é quando este momento é interrompido por distúrbios, como os tipos de apneia do sono. Esta condição ocasiona a interrupção ou redução na respiração enquanto a pessoa dorme. O Ministério da Saúde já apontou que pelo menos 30% da nossa população sofre deste mal.


logo-branca

Endereço: R. Des. Lauro Nogueira, 1500 - Papicu, Salas 1813 a 1816 / Fortaleza - CE, 60175-055

Entre em contato

85 2180-9880

Marque sua consulta

Otomax ® - 2022 - Todos os direitos reservados

Diretor Clínico: Dr. Franzé Barros de Oliveira (CRM 11793)